domingo, 31 de outubro de 2010

Magic Halloween


Hoje é Halloween, talvez, o melhor dia do ano, depois do Natal. É o dia em que eu gostaria de estar nos EUA, comemorando, fazendo festas à fantasia, pedindo balas e fazendo todas aquelas coisas legais que não fazemos no Brasil, mas isso só daqui à uns anos, quando eu realizar meu sonho de morar lá. Halloween é um dia que eu gosto muito sem saber o porque. Às vezes eu acho que nasci no país errado, mas eu me contento com carnavais.
Vim celebrar, hoje é dia dos bruxos, magos, feiticeiros, etc, portanto, é meu dia também! Então vou deixar uma dica do que ler, do que ouvir e do que ver nesse dia sombrio.

Ler: Eu indico um dos livros da J.K.Rowling que chama "Os Contos de Beedle, o Bardo". Foi escrito em 2007 e contém 5 contos que eram contados na idade média aos pequenos bruxos. Eu, claro, tenho, li todo super rápido, porque ele realmente não é grande, mas eu indico mais ainda para quem já leu a saga de "Harry Potter".

Ouvir: Três músicas um pouco sombrias que eu gosto, com cantores que talvez vocês conheçam, todas são do álbum "Almost Alice", trilha sonora de Alice in Wonderland, do Tim Burton:
1- "The Poison", The All-American Rejects
2- "Very Good Advice", Robert Smith
3- "The Lobster Quadrille", Franz Ferdinand

Assistir: Eu vou indicar um filme que eu vi nas férias, que me deu medo, mas depois ficou claro que era muito bobo. Chama "O Mistério das Duas Irmãs", o nome orginal é "The Uninvited", estrelado por Emily Browning e Arielle Kebbel, é um filme de terror, mas é muito tranquilo para assistir. Eu que sou muito medrosa adorei o filme, quem não tem medo deve achar muito bobo.

Espero que gostem das dicas e, sigam-as. Happy Halloween pra todo mundo !

segunda-feira, 25 de outubro de 2010

We ♥ photos


Oi gente ! Hoje vim aqui fazer uma coisa mais divertida. Faz tempo que estou tentando fazer esse post, mas o Draft Blogger não funciona direito continua sem funcionar. Porém mesmo assim apelei para o Blogger normal e tomei vergonha na cara para fazer.
É um post simples, eu queria deixar aqui algumas fotos que eu salvo como hobby, caso um dia eu vá a fazer meu tão esperado curso de fotografia. Queria também um post diferente dos que faço aqui, então vim colocar. São só algumas, poucas, que eu pego no We It ou no Tumblr e salvo. Espero que gostem !


Esse post é meio inspirado nos que a MariMoon faz no blog dela, colocando fotos que por coincidência ela também pega no We Heart It. é sério, é coincidência!

sábado, 16 de outubro de 2010

Pare de passar, tempo!

Não quero um post ilustrado, um post bonitinho, nem com muitos comentários. Não quero esse post nos meus favoritos e nem muito divulgado. Quem por acaso passar aqui e ler, bem, leu, se não, não me importo, realmente não ligo. Por quê? Porque passei aqui hoje só para falar de um sentimento completamente momentâneo e que eu não sei onde trancar, só quero desabafar, parar ser mais clara.
Hoje, não sei o que me deu, tudo começou a vir tão rápido na minha cabeça. Precisava escrever, é meio único meio de me expressar e eliminar esse aperto que me tira o ar.
Tem tudo passado tão rápido nos últimos dias. Não acredito que fui no show do Chris Brown e do NxZero esse ano, não acredito que conheci as meninas da Lipstick e conheci a Jullie em praticamente 1 mês, que ganhei um vídeo da MariMoon falando com a minha mãe. Não acredito que isso tudo já passou, e já faz um tempo.
E além de cair na real para todos fatos passados, me caiu a ficha para o presente. Hoje faltam 20 dias para o show mais esperado do ano, para mim, 19 ou menos, se tudo der certo para eu conhecer a MariMoon, menos de 3 meses para eu sair do país pela primeira vez, na minha viagem de 15 anos para Orlando e entrar no lugar dos meus sonhos, o Wizard World of Harry Potter. Dá para acreditar que vou realizar todos os meus sonhos em pouco tempo?
Talvez seja por isso que tem tudo passado tão rápido para mim, mas, eu confesso, não quero. É uma sensação tão ruim, sentir tudo ficando para trás, uma vontade imensa de me derramar em lágrimas. Mas não consigo, eu não quero admitir que está tudo realmente passando, e me entregar à essa emoção é como entregar o jogo ao inimigo.
Eu não queria, também, falar sobre o futuro aqui, ia ser uma surpresa, iria contar para vocês que eu alcancei minhas metas, que vi meus ídolos, que deu tudo certo, quando já tivesse passado. Pode ser que eu devesse falar menos, dizer simplesmente "Pare de passar, tempo!", porém isso foi mais forte que eu, e sei que eu quero dividir com alguém meus sentimentos, aqui tem sido o melhor lugar para falar, vocês sempre me voltam com uma resposta tão carinhosa, pensem nisso como um agradecimento.
E pensar que este é meu último ano no lugar que passei 8 anos da minha vida, está tudo no fim, ou no começo de outra fase da vida, e eu não sei onde eu posso enfiar esse sentimento de incerteza do futuro, de tristeza pelo presente, e de felicidade por algo que tem ficado cada vez mais para trás. Acho que nem é a primeira vez que posto sobre isso e ainda me dá um arrepio de falar nesse assunto.
Enfim, eu acho que é isso, que o que me incomoda é simplesmente o fato de que o tempo realmente passa e eu não posso fazer nada para evitar. Não existe um meio correto para que eu possa lidar com isso, acho que a solução é me acostumar, mesmo parecendo a coisa mais difícil no mundo.

terça-feira, 12 de outubro de 2010

40 things about me



1- Sou muito cabeça dura.
2- Faço de tudo pra conseguir alcançar meus objetivos.
3- Amo o Tim Burton.
4- Tudo que tem relação com Alice no País da Maravilhas me encanta.
5- Acho que as coisas soam melhor quando são ditas em inglês.
6- Sou viciada em twitter.
7- Sou muito chorona.
8- Amo chuva, ainda mais as de verão.
9- Odeio quando fica muito calor.
10- Falo muito, às vezes até demais.
11- Quando eu simpatizo com alguém eu passo a gostar mesmo dessa pessoa.
12- Amo ler.
13- Harry Potter é a melhor saga do universo.
14- Odeio que as coisas que eu gosto virem modinha.
15- Às vezes acho que sou hiperativa, mas depois lembro que é só excesso de felicidade em mim.
16- O que odeio mais que tudo na minha vida: gente que me copia.
17- Não gosto de pessoas metidas.
18- Minha mãe é a melhor pessoa do mundo.
19- Amo desenhar.
20- Gente invejosa me dá nojo.
21- Sou muito desastrada.
22- Amo rock.
23- Pra mim tudo tem uma explicação, recorro primeiro ao horóscopo.
24- Tenho medo da minha casa à noite.
25- Revisto a locadora inteira pra achar um filme que eu goste e não tenha visto ainda.
26- Às vezes, na sala de aula, me "transporto" pra Wonderland.
27- Não vivo sem música.
28- Gosto de ser diferente.
29- Odeio matemática.
30- Tenho cuidado extremo com meus CD's originais, se eles arranham eu morro.
31- Amo minha coleção de bottons.
32- Sou viciada na MTV.
33- Amo escrever.
34- Acho cabelos ruivos os mais bonitos.
35- Tenho uma dogue alemão que eu amo muito.
36- Procuro me inspirar nas minhas divas.
37- Passei a gostar de jazz por causa da Monique Maion.
38- Gosto de muitas bandas brasileiras, menos dessas novas.
39- Amo o pôr-do-sol.
40- Sofri pra fazer essa lista.

Gostaram ? Eu adorei, mesmo passando 2 dias fazendo.
A Lara, do Memórias Escritas, me passou e eu repasso pras meninas do Adolescer, pra Carol Schittini e pra Aline do Fuja de Casa.
Feliz Dia das Crianças pra todo mundo ! Sei que parte da gente ainda é criança. Beijos.

quinta-feira, 7 de outubro de 2010

Alguém tem que falar

Não há nada que eu possa dizer à ela que realmente represente o que eu sinto. Confesso que às vezes meço as palavras para usar para/com ela. É a pessoa que admiro há mais tempo, já faz 6 anos, 6 anos é quase metade da minha vida, na verdade é mais da metade da minha vida "consciente". Talvez ela, com sua mente completamente bem estruturada e criativa, não fosse a melhor pessoa para uma menina de 9 anos virar fã, mas aconteceu. E eu cresci ouvindo suas músicas, aderindo seus ideais, não entendendo parte das coisas que ela dizia em suas letras (não porque ela não diga coisa com coisa, foi falta de viver) e vendo que cada dia ela se superava mais e mais. Hoje, se sou quem eu sou, devo muito à ela, pois eu formei minha personalidade, minha mente, me estruturei a partir dela. Agradeço todos os dias o dia que eu a "conheci", porque realmente ela mudou minha vida.
O jeito engraçado, fofo e bem rock dela é exatamente o jeito que quero ser no futuro, pra mim ela é um exemplo, ela é a melhor do rock brasileiro, ela não tem gênero, ela fala do que for, quando for, como for, mas sempre com seu toque único, inigualável. E quem mais poderia ser que não a Pitty? Pois é. Hoje ela faz 33 anos e é engraçado como ela à cada dia parece mais nova e como parece que eu acabei de conhecê-la e virar fã. Meu amor por ela se renova à cada dia. Ela não é uma libriana típica, ela é diferente, ela tem seu toque único e especial que a faz ser diferente de todos os outros, sem que consigam chegar aos pés dela. Tomara que, no meu papel de fã, eu tenha feito diferença na vida dela, sem mesmo tê-la visto pessoalmente.

Só ela consegue ser assim, mais ninguém !
Talentosa, estilosa, simpática, simples e fofa.

Precisa dizer mais ?

Espero, realmente, que um dia eu possa ver ela pessoalmente, mesmo que eu não diga isso tudo que acabei de confessar aqui, mas pelo menos ela vai notar que há alguém a mais. Ela pode me ver e no dia seguinte nem lembrar que estive ali, ou até nem me ver, mas eu verei a figura espetacular que ela criou e eu não esquecerei jamais.
Meu falatório pode parecer o mesmo para todas, mas eu não sei medir palavras, só as coloco aqui como símbolo de amor, mas aqui, por trás dessa tela, há um amor diferente por cada ídolo e o meu amor pela Pitty é maior do que eu mesma poderia imaginar. Te amo Priscilla. ♪ ♫